domingo, 9 de março de 2008

Lingua Portuguesa

Máquina de fazer chicletes

Lucas conhecia um chinês chamado Shi Li Ling, que tinha uma loja cheia de máquinas engraçadas.Certo dia, ele convenceu o menino a comprar uma estranha máquina de fazer chicletes. E a história começou...
Fui para casa carregando a máquina que não era nem um pouco leve.
Peguei o manual de instruções e não entendi nada. Também, estava escrito em chinês... !
Desci até a loja e comprei o manual traduzido.
Voltei para casa.
Depois de ter lido, descobri que faltavam os produtos para fazer o chiclete.
Desci até a loja e comprei os produtos.
Voltei para casa.
Misturei os ingredientes, coloquei na máquina e apertei o botão.
Aquilo virou uma meleca! A borracha e o açúcar começaram a pular e grudar no quarto inteiro. Eu parecia uma gosma humana.
Precisava arranjar um jeito de limpar tudo, antes de a minha mãe chegar. Só que acabei esquecendo disso e fiquei quatro horas em frente da máquina, esperando o chiclete ficar pronto.
Quase morri de felicidade quando vi a máquina devolver toda aquela gosma que eu tinha colocado.
Lá estava o chiclete feito por mim!
Quando coloquei o chiclete na boca, a campainha tocou e eu, de susto, acabei engolindo todo o trabalho de mais de quatro horas.
Não era a minha mãe!
Era Simone, que com um sorriso no rosto, perguntou:
-O que você está fazendo de importante agora?
Eu, sem graça, respondi:
- Nada...

- Ah! Então vamos na padaria comigo comprar chicletes?
Saí com ela decidido a ter uma conversa séria com Shi Li Ling ...

Alexandra Lopes e André Mota “...Comprei aquilo, deu nisso ....”Editora do Brasil, São Paulo.

Compreensão do texto
1. Quantos parágrafos há no texto?
2. O texto está escrito de forma narrativa ou teatral?
3. No trecho abaixo, sublinhe as preposições:
“Precisava arranjar um jeito de limpar tudo, antes de a minha mãe chegar. Só que acabei esquecendo disso e fiquei quatro horas em frente da máquina, esperando o chiclete ficar pronto.”

4. Reescreva as frases abaixo usando o tempo futuro.
a. Ele comprou uma máquina de chicletes.
b. Nós voltamos para casa todos os dias.
c. Elas limparam toda a cozinha.
d. Eu estudei o manual inteiro.

5. Reescreva o trecho a seguir em 3º pessoa. Não esqueça de observar os pronomes e os verbos e fazer as alterações necessárias:

“Eu sou uma menina de dez anos de idade. Eu gosto de andar de bicicleta e conversar com meus amigos no MSN. Adoro comer pizza e bife com batata frita. Meus amigos acham que eu sou engraçada e vivo contando piadas. Na verdade me considero uma pessoa muito feliz e amo muito minha família e meus amigos.”

6. A que termos se referem as palavras destacadas?
a. Um dia, uma formosa índia, chamada Naiá, apaixonou-se pela Lua. Sentia-se atraída por ela e, como quisesse alcançá-la, correu, correu, por vales e montanhas, atrás dela.
b. Misturei os ingredientes, coloquei-os na máquina e apertei o botão.

7. Reescreva as frases usando a linguagem culta:
a. Eu contei a minha história pra ela.
b. Tinha umas notícias no jornal.
c. Ta bom, a gente perdeu o jogo!
d. Eu vi ela perto da cantina.

8. Reescreva as frases, substituindo os termos destacados por uma só palavra com o mesmo sentido. Use uma das palavras entre parênteses:

a. Aquela moça tinha uma cesta cheia de flores. ( florida - florista)
b. Naquela fazenda havia muitas plantas de cana. (plantações - plantio)
c. O menino ficou assustado com o filme. (assustou-se - assustando)
d. A estante estava cheia de poeira. (empoeirada - poeirenta)

2 comentários:

Angélica disse...

Evê. Parabéns pelo seu trabalho maravilhoso e que Deus te abençoe pela disposição de compartilhar com outras pessoas as suas criações.
Tenho usado o teu material e agradeço muito.
Beijocas Perfumadas
Maria Angélica - POA/RS

André disse...

Evê, descobri,rastreando meu nome pelo google,um texto escrito por mim e Alexandra Lopes e usado por você. Deixo aqui meus parabéns e agradecimentos.
André Mota